Quem Somos

Este é um espaço onde os trabalhadores da Bosch do Brasil podem protestar e denunciar os casos de assédio moral, ameaças e injustiças que sofrem no interior da fábrica, sem precisar se identificar. Vamos mostrar para o mundo inteiro as injustiças praticadas pela Bosch. Os depoimentos serão enviados para toda a grande imprensa, no Brasil e na Europa, para a sede da Bosch na Alemanha e para a Justiça do Trabalho! Denuncie já!

O seu endereço de email não será publicado
Para preservar seu nome utilize um nome fictício
Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Uma resposta a Quem Somos

  1. trabalhador da bosch disse:

    É um absurdo o que vem ocorrendo na Bosch Curitiba!
    Faz 8 anos que trabalho na Bosch e dês que entrei lá toda época de negociação é a mesma coisa todos tentando manipular o voto do trabalhador! só que este ano a Bosch extrapolou, todos os dias somos ameaçados pelos LTI’s e LTU’s muitas vezes até os chefes veem nos ameaçar, dizendo que a proposta da empresa é “excelente” que temos que aceitar porque é o nosso futuro e o futuro da empresa que está em risco, que se a proposta não for aprovada muitos terão que ser demitidos! quando tem assembleia eles dizem que não é para nós ficarmos lá fora, que se a proposta não for aprovada perderemos novos negócios, eu já não aguento mais toda esta pressão 90% das pessoas que estão entrando e não participando das assembleias é por que tem medo de perder seu emprego são pressionadas todos os dias por seus lideres e não aceitam a proposta da empresa, se você esta lá fora e seu líder chega e fala vamos entrar? se você não entra eles falam você não quiz entrar então você não esta preocupado com o seu futuro aqui na Bosch, o diretor fala que não sabe do assédio que esta ocorrendo más é ele e os gerentes que pressionam os lideres para fazer toda esta pressão este diretor deveria tomar vergonha na cara e pelo menos a admitir seus atos, sem falar que onde acontece as assembleias é um verdadeiro BIG BROTHER BOSCH tem câmeras de alta resolução espalhada por todos os cantos! sempre quando acabam as assembleias os lideres chefes veem as imagens para identificar quem voto contra a empresa e estes são os cabeça de lista para as demissões! o ministério publico deveria investigar as denuncias e aplicar uma punição exemplar para este que se dizem lideres e para este que é o pior diretor que já tivemos!!!